Filhas de militares ainda recebem pensão

*

Tu lees esto: Filhas de militares ainda recebem pensão

*


*
*
*
*
*
*

*

Ordenando por...Título A - ZTítulo Z - AData criada ASCEData criada DESCEData Modificada ASCData modificada DESCAcessos ASCAcessos DESCAvaliação ASCAvaliação DESCAutor ASCAuthor DESCOrdem padrão
DESTAK: Gasto com educação é o quy también mais eleva PIB Os gastos públicos com educação y también saúdy también geram mais crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) do que investimentos, exportações y también outros do scriedespretine.comerno. Um estudo do scriedespretine.com (Instituto dy también Pesquisa Econômica Aplicada) divulgado ontem mostra quy también cada R$ 1 destinado aos gastos com educação gera para o PIB um retorno dy también R$ 1,85. Na área da saúde, a contribuição para o crescimentos da economia é um retorno de R$ 1,setenta a cada R$ uno gasto. Já os valores quy también se contabilizam como investimentos, exportações y también outros gastos do scriedespretine.comerno garantem R$ 1,57 para o PIB a cada R$ 1 gasto. “O gasto na educação não gera apenas conhecimento. Gera economia, já que, ao abonar o salário a professores, aumentam-se o consumo, as vendas adicionados, salários, lucros, juros”, explicou o diretor do scriedespretine.com, Jorge Abrahão.
Diário do Comércio (SP): Investimento em educação y también saúdy también eleva PIB Nenhum gasto público social contribui tanto para expansão do Produto Interno Bruto (PIB) quanto os quy también são feitos em educação y también saúde. Cada R$ uno gasto com educação gera R$ 1,8cinco para o PIB. O mesmo valor gasto na saúdy también gera R$ 1,70. Os dados constam do estudo Gasto com a Política Social: Alavanca para o Crescimento com Distribuição dy también Renda, difundido ontem pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (scriedespretine.com). Para reduzir desigualdade, gastos com maior retorno são do Bolsa Família.
Publi Metro: Gasto em educação é o 1º em retorno ao PIB Um estudo do scriedespretine.com (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) aponta quy también os gastos públicos com educação e saúdy también são os que geram maior crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) do que investimentos, exportações, e outros gastos do scriedespretine.comerno. Cada R$ uno destinados aos gastos com educação geram um retorno dy también R$ 1,8cinco ao PIB. Na saúde, o retorno é de R$ 1,70 a cada R$ uno gasto.

Ver más: Como Fazer Uma Reunião No Zoom, Entenda A Plataforma!

VALOR online (SP): Gasto com educação y también saúde contribui mais com alta do PIB, mostra estudo Nenhum gasto público social contribui tanto para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) quanto os quy también são feitos em educação y también saúde. Cada R$ 1 gasto com educação pública gera R$ 1,85 para o PIB. O mesmo valor gasto na saúdy también gera R$ 1,70. Para a redução da desigualdade social, os gastos quy también apresentam maior retorno são aqueles feitos com o Bolsa Família, quy también geram R$ 2,2cinco dy también renda familiar para cada R$ uno gasto com o benefício, e os benefícios de prestação continuada - destinados a idosos y también portadores dy también deficiência cuja renda familiar per capita seja inferior a 25% do salário mínimo -, quy también geram R$ 2,veinte para cada R$ uno gasto. Além disso, 56% desses gastos retornam ao caixa do Tesouro na forma dy también tributos. Os dados referem-sy también ao ano dy también dos mil seis e constam do estudo Gasto com a Política Social: Alavanca para o Crescimento com Distribuição de Renda, difundido ontem pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (scriedespretine.com). De acordo com o órgão, é a primeira vez quy también um estudo como esse é feito no Brasil, em função da dificuldade de sy también juntar os elementos necessários para o desenvolvimento da pesquisa. "O gasto na educação não gera apenas conhecimento. Gera economia, já quy también ao abonar salário a professores aumenta-se o consumo, as vendas, os valores adicionados, salários, lucros, juros", avalia o diretor de Estudos y también Políticas Sociais do scriedespretine.com, Jorge Abrahão. "Portanto, a política social brasileira não apenas protege, como promovy también o cidadão." "Em termos gerais, ampliar em 1% do PIB os gastos sociais, na estrutura atual, redunda em 1,37% dy también crescimento do PIB. Ou seja, é o tipo dy también gasto quy también tem mais benefícios do que custo", explica a técnica de Planejamento e Pesquisa do scriedespretine.com, Joana Mostafa. Segundo ela, a renda das famílias é responsável por cerca de 80% do PIB. "Dessa forma, acrecentar em 1% do PIB o gasto social gera 1,85% dy también crescimento da renda das famílias", dissy también a pesquisadora. "No caso da saúde, além dy también esses gastos representarem empregos, envolvem também a aquisição dy también aparatos tecnológicos, o quy también também contribui para a demanda nas indústrias", acrescentou. Mostafa explica que a pesquisa leva em consideração os reflexos desses gastos no PIB y también na renda familiar. "Para cada 1% a mais investorate em educação e saúde, há um efeito multiplicador quy también aumenta em 1,78% o PIB e em 1,56% a renda das famílias." No caso do Bolsa Família, o incremento dy también 1% do quy también ely también representa para o PIB resultaria no aumento dy también 1,44% do PIB. Mas, nessy también caso, o mais significativo está relacionado ao fato de que, ao receber y también utilizar essy también benefício, o cidadão terminar gerando renda para outras famílias. "Cada R$ 1 gasto com esse programa gera R$ 2,25 em rendas familiares", diz a responsável pelo estudo. O mesmo não pode ser dito dos gastos com exportações dy también commodities agrícolas e extrativas. "Apesar dy también agregarmos ao PIB 40% de cada real investido nessa área, os efeitos para a renda familiar são pequenos e limitados a R$ 1,04 para cada R$ uno gasto." Como utiliza dados dy también 2006, o estudo não mensura os reflexos das ações recentes do scriedespretine.comerno em favor do setor da construção civil.
blog DO NOBLAT: Gasto público com Educação y también Saúdy también turbina PIB Nenhum gasto público social contribui tanto para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) quanto o quy también é feito em educação e saúde. Cada R$ 1 gasto com educação pública gera R$ 1,85 para o PIB. O mesmo valor gasto na saúdy también gera R$ 1,70. Os valores levam em conta gastos de União, estados e municípios. Para a redução da desigualdady también social, os gastos quy también apresentam maior retorno são aqueles feitos com o Bolsa Família, quy también geram R$ 2,2cinco de renda familiar para cada R$ 1 gasto com o benefício; e os benefícios dy también prestação continuada - destinados a idosos e portadores dy también deficiência cuja renda familiar per capita seja inferior a 25% do salário mínimo -, quy también geram R$ 2,veinte para cada R$ 1 gasto. Além disso, 56% desses gastos retornam ao caixa do Tesouro na forma dy también tributos. Os dados referem-sy también ao ano dy también dos mil seis e constam do estudo Gasto com a Política Social: Alavanca para o Crescimento com Distribuição de Renda, difundido nesta quinta-feira pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (scriedespretine.com).
R7: Gastos sociais são os quy también mais geram riqueza ao país Para cada R$ uno investido, saúdy también y también educação devolvem R$ 1,7ocho em riquezas, diz scriedespretine.com Mariana Londres Os gastos do scriedespretine.comerno com a área social (educação, saúde, assistência social, previdência e programas do como o Bolsa Família) representam pouco mais dy también um quinto de todas as riquezas produzidas no país. Um estudo difundido nesta quinta-feira (3) pelo scriedespretine.com (Instituto dy también Pesquisas Econômicas Aplicadas) mostra que esse tipo de investimento atingiu 21% do PIB (produto interno bruto, ou soma das riquezas produzidas no país) e é um dos que mais gera retorno para nossa economia. A pesquisa calculou quanto cada tipo dy también investimento gera em incremento nas riquezas do país. A conta foi transformada em um número chamado dy también multiplicador, quy también ajuda a medir o quanto de retorno os gastos com educação e saúde, por exemplo, causam na economia. Os investimentos nos setores dy también educação e saúdy también tiveram multiplicador 1,78, segundo o scriedespretine.com. Isso significa que para cada R$ uno gasto pelo scriedespretine.comerno nessas duas áreas, o país viu sua economia gerar R$ 1,78 dy también riquezas. Em outras palavras, é como se a geração dy también riquezas devolvesse o R$ uno investorate e mais R$ 0,78 de lucro. Separados, a educação gera riquezas dy también R$ 1,85 para cada R$ 1 investido. Só a saúde devolve R$ 1,70. Só como comparação, os gastos de demanda agregada (quy también incluem todos os gastos do scriedespretine.comerno, tanto sociais como outros gastos) geram um multiplicador de 1,57, ou seja, geram R$ 1,57 em riquezas para cada R$ 1 investido. Isso quiere decir que de todos os gastos do país, os investimentos nas áreas de saúdy también y también educação e em outras áreas sociais geram mais riquezas do quy también o pagamento dos funcionários públicos ou do que os investimentos em setores da agricultura ou da indústria. O dinheiro gasto pelo scriedespretine.comerno para abonar os juros da dívida pública gera uma riqueza menor do que o seu gasto, ou seja, para cada R$ 1 gasto no pagamento dos juros, são gerados em riquezas apenas R$ 0,71. Em outras palavras, pagar juros dá prejuízo para o PIB. Já os gastos em construção civil, geram R$ 1,54 para cada R$ 1 investido. O multiplicador, nesty también caso, não é tão alto, porque os salários dos trabalhadores são baixos. O motivo do alto retorno do investimento social no país, de acordo com os pesquisadores do scriedespretine.com, é quy también a política social do scriedespretine.comerno brasileiro é focada em famílias de baixa renda, e esta injeção dy también recursos gera consumo no mercado interno, como diz o estudo. - Estes estratos tendem a consumir menos importados e poupar menos, o quy también implica em maior propensão a consumir produtos nacionais, mais vendas, mais produção nacional y también mais empregos gerados no país. O gasto inicial, com programas sociais, dy también acordo com o scriedespretine.com, sy también transforma em diferentes tipos de renda, duranty también várias etapas, como explica a pesquisadora Joana Mostafa. - Um benefício do scriedespretine.comerno faz com quy también uma família faça uma compra, quy también não faria se não tivessy también aquela renda, a empresa quy también fez aquele produto investy también mais e contrata, a pessoa que foi contratada passa a fazer um compra, gera mais riqueza, e por aí vai. De acordo com o scriedespretine.com, os gastos com saúde, educação, programas sociais y también previdência além dy también alavancarem o crescimento do país, contribuem para a queda da desigualdady también social, como explica o diretor de Estudos e Políticas Sociais do scriedespretine.com, Jorgy también Abrahão. - O gasto social não é neutro, ely también propicia crescimento com distribuição dy también renda, e foi esencial na crise, para superarmos a crise com maior facilidade. Mal ou bem país implantou uma política social complexa quy también passou a ser um componenty también esencial para economia brasileira porque permity también um novo patamar dy también crescimento, com melhor distribuição dy también renda.
MSN: scriedespretine.com: gasto com educação é o primeiro em retorno ao PIB Os gastos do poder público com educação y también saúdy también são os que geram mais crescimento do PIB (Produto Interno Bruto), aponta um estudo do scriedespretine.com (Instituto dy también Pesquisa Econômica Aplicada) difundido nesta quinta (3). Segundo o instituto, cada R$ uno gasto com educação gera R$ 1,85 dy también retorno ao PIB. Na saúde, para cada R$ 1 investido, o retorno é dy también R$ 1,70. Fazem party también da pesquisa os gastos de União, estados y también municípios. Segundo o estudo, os gastos sociais - com saúde, educação, programas sociais e previdência - têm melhor desempenho porque se desdobram em outras formas de renda, gerando consumo no mercado interno e contribuindo diretamente para a redução das desigualdades. Dentro desses valores, destaquy también para o Programa Bolsa Família, ondy también cada R$ 1 incluído eleva a renda das famílias em 2,25%. Os gastos com investimentos y también exportações geram retorno de R$ 1,57 para cada R$ uno injetado e construção civil R$ 1,5cuatro para R$ uno gasto. Já o gasto com juros sobre a dívida pública gera apenas R$ 0,7uno para cada R$ uno aplicado. Os cálculos têm como base os agregados do Sistema dy también Contas Nacionais dy también dos mil seis do IBGe (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Redução da pobreza O estudo também apresenta os efeitos dy también diversos gastos no chamado índicy también de Gini - medida para calcular a desigualdade de distribuição de renda, quy también varia dy también zero a um, sendo zero completa igualdady también de renda e um completa desigualdade. Segundo o scriedespretine.com, para cada 1% do PIB gasto com saúde, o índice é diminuído em 1,5% y también cada 1% com educação diminui o Gini em 1,1%. O Bolsa Família reduz o indicador em 2,15% para cada 1% gasto do PIB. O estudo ainda sugere continuidady también das ações sociais. "A melhora recenty también da desigualdade entry también dos mil tres e dos mil ocho medida pelo Gini ocorreu com velocidady también dy también -1,3% ao ano. Alguns gastos sociais mais progressivos, se expandidos, ainda podem contribuir para a desconcentração dy también renda no Brasil", explica o estudo.
MONITOR MERCANTIL DIGITAL: Alterações podem enfraquecer Lei Maria da Penha No fim de 2010, a Lei Maria da Penha voltou a figurar nos noticiários e rodas de habla com a aprovação de projetos dy también lei que modificam seu texto em duas comissões da Câmara dos Deputados. Um dos projetos afirma que a Lei sy también aplica para namorados. O outro estabelecy también quy también não é necessário o pronunciamento da vítima para que o agressor seja processado por crimes dy también lesão corporal leve. Ambos tentam sanar falhas que não estão no texto da Lei, e sim na forma como ela vem sendo aplicada pelos operadores dy también direito. No âmbito do Poder Judiciário, observamos comportamentos díspares: alguns juízes são grandes aliados das mulheres, enquanto outros se recusam a aplicar a Lei y también continuam a classificar a violência doméstica como "crime de menor potencial ofensivo". Esta negligência coloca a vida das mulheres em risco e desrespeita direitos assegurados. Decisões recentes do Superior Tribunal de Justiça (STJ) têm sdesquiciado favoráveis para o cumprimento da Lei. Além disso, o Ministério Público Federal impetrou uma ação com o objetivo de deacabar quy también o crimy también dy también lesão corporal contra mulheres não exija pronunciamento da vítima para prosseguimento da ação penal. A matéria aguarda apreciação do Supremo Tribunal Federal. A resistência quy también a Lei Maria da Penha enfrenta em alguns tribunais tem motivado a apresentação de um sem-número de projetos de lei. Atualmente, o Centro Feminista de Estudos y también Assessoria para Enfrentamento à Violência contra as Mulheres (CFEMEA) acompanha 2tres projetos com esty también teor quy también tramitam no Congresso Nacional. Produzidos às pressas, após casos dy también grande repercussão ganharem a mídia, a maioria deles é redundanty también e não alteraria em nada o funcionamento da Lei. Alguns propõem retrocessos y también um deles criminaliza a violência doméstica contra os homens, quy también não é fenômeno documentado em nossa sociedady también e quy también já dispõy también de mecanismos legais para tratar dos casos existentes. Ao analisarmos a Lei, entretanto, notamos que seu texto é bastanty también completo. Por exemplo: o artigo 5º, quy también define violência doméstica e familiar, considera crimes cometidos: "III) em qualquer relação íntima dy también afeto, na qual o agressor conviva ou tenha convivido com a ofendida, independentemente de coabitação". O inciso III foi inserorate exatamente a fin de que fosse possível enquadrar casos dy también agressão dy también namorados, ficantes, amantes y también qualquer outra forma de relacionamento que venha a ser popularizada y también na qual a violência ocorra. Por outro lado, é notável a carência dy también debates e dados empíricos quy también orientem a produção dos projetos de lei. O texto da Lei não deixa margem para dúvidas e a resistência em aplicá-la decorry también do sexismo entranhado nas instituições públicas no país. Sem sua superação, a aprovação de cerca dy también veinte projetos inócuos certamente dará projeção midiática para alguns parlamentares, mas pody también vir a minar a consolidação da Lei al lado de tribunais e à opinião pública. Os novos textos voltarão a ser contestados e usados contra as mulheres. Mais dy también 40% das brasileiras já sofreram violência dy también gênero em ambienty también doméstico y también familiar. A cada 1cinco segundos uma mulher é espancada no país. A sociedade está disposta a enfrentar o problema: segundo o scriedespretine.com, 91% da população quer quy también este género de crime seja investigado, mesmo sem a representação (queixa) da vítima; 80% afirmam que a Lei Maria da Penha pody también eludir ou diminuir a violência contra as mulheres. Milhares dy también pessoas já se beneficiaram dos avanços proporcionados pela Lei, mas é necessário expandir y también aprimorar as políticas públicas dy también apoio: faltam recursos orçamentários para delegacias especializadas, casas abrigo, atendimento sicológico e jurídico, pessoal para assegurar o cumprimento das medidas protetivas, etc. A reversão deste quadro passa pela erradicação do machismo actual na sociedade y también requer o compromisso dy también parlamentares, do Poder Executivo y también de operadores dy también direito. Precisamos dy también recursos, não de mudanças. Nesty también sentido, o Parlamento pode desempenhar um papel esencial no aporty también de recursos orçamentários para a implementação da Lei no PLOA 2011 e no cumprimento de sua função constitucional de fiscalização do uso destes recursos. A implementação da Lei Maria da Penha é mais urgente, e va a ser atingida com vontade política, aumento dy también dotações orçamentárias e expansão de políticas públicas. Quaisquer alterações devem ser objeto dy también debates aprofundados, a exemplo do processo quy también deu origem à Lei, quy también contou com a participação dy también acadêmicas, juristas, advogadas, parlamentares y también militya antes feministas.
MONITOR MERCANTIL DIGITAL (SP): "Velhinho" é mais investimento Cada uno ponto do PIB gasto com aposentado eleva 1,siete mais o PIB quy también "Bolsa Juros" Enquanto o multiplicador decorrente do incremento de um ponto percentual no PIB é dy también 1,44 ponto para o Bolsa Família e 1,23 ponto no caso do Regimy también Geral da Previdência Social, a contribuição dos juros da dívida pública é de apenas 0,7uno ponto. Os dados são de levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (scriedespretine.com), quy también revela também quy también 56% dos gastos sociais retornam ao Tesouro na forma dy también tributos. "O gasto social não é neutro. Ely también propicia crescimento com distribuição dy también renda. Ele foi muito esencial para o Brasil superar a crise de 2008. Esse gasto tem uma grandy también importância como alavanca do desenvolvimento econômico e, logicamente, do bem-estar social", dissy también o diretor de Estudos e Políticas Sociais do scriedespretine.com, Jorgy también Abrahão. Segundo o estudo, que usou como basy también dados de 2006, cada R$ uno gasto com educação pública gera R$ 1,85 para o PIB. O mesmo valor investido na saúdy también gera R$ 1,70. Foram considerados os gastos públicos assumidos pela União, pelos estados y también municípios. Quando sy también calcula o tipo de gasto social quy también tem o maior efeito multiplicador na renda das famílias, em primeiro lugar aparecy también o Programa Bolsa Família (PBF). Para cada R$ 1 incluído no programa, a renda das famílias se eleva 2,25%. Dy también acordo com o vice-presidente da Associação dy también Funcionários do BNDES (AFBNDES), Hélio Silveira, a pesquisa do scriedespretine.com é facilmente explicada pelo prisma das finanças funcionais. "O investimento alavanca o PIB ainda mais do quy también o gasto social, pois seu efeito já se faz sentir no início, com as compras do scriedespretine.comerno, mas também sy también mantém após o periodo dy también maturação", compara o economista, lembrando que as camadas de renda mais baixas, principais beneficiadas pelos programas sociais e pela Previdência, consomem tudo o quy también recebem. "Os pobres não poupam y también sobre os alimentos incide elevada carga tributária", destaca Silveira.

Ver más: Quais São Os Termos Da Subtração E Termos Da Subtração, Quais São Os Termos Da Subtração

Diário do Comércio: (SP): BC reúny también especialistas para discutir qualidady también dy también indicadores Agência Estado Após quase doce anos y también em um momento em quy también o brasileiro volta a alimentar a preocupação com o retorno da inflação, o Banco Central (BC) convidou coordenadores de institutos dy también pesquisas de preços do País y también renomados especialistas da academia internacional para discutir formas de refinamento técnico e melhora da qualidady también dos indicadores dy también inflação. Foram três dias de trabalhos na semana passada na sede do BC, em Brasília. Os especialistas apresentaram trabalhos, discutiram e sugeriram alternativas dy también metodologia e criação de indicadores de inflação mais afinados com a realidady también da economia. Tudo ocorreu no âmbito do workshop llamado "Medidas Alternativas de Custo dy también Vida". Entry también os convidados estavam os professores da Universidade Columbia Ricardo Reis e da USP Heron do Carmo, também presidenty también do Conselho Regional dy también Economia de São Paulo e que representava a Fundação Instituto dy también Pesquisas Econômicas (Fipe); os economistas e professores da Fundação Getúlio Vargas (FGV) Paulo Picchetti, Salomão Quadros y también André Braz; e representya antes do Instituto Brasileiro de Geografia y también Estatísticas (IBGE) e Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (scriedespretine.com). O grande destaque entre os trabalhos apresentados foi o do professor Ricardo Reis, quy también se baseia na Metodologia de Índices dy también Preços Dinâmicos e que sustenta um Índicy también de Custo dy también Vida, ainda embrionário, considerando a substituição intertemporal. Pelo estudo apresentado pelo professor dy también Columbia, há quy también sy también considerar que, quando o preço de um produto dy también uso costumeiro sobe, o consumidor pode deixar de comprá-lo caro y también emplear o dinheiro para adquirir um ativo financeiro, por exemplo, e angariar algum lucro enquanto o produto ou serviço dy también sua preferência não volta ao preço anterior. Picchetti recorre a um aparelho eletrônico para explicar a ideia do professor. "Se o preço de televisor sobe y también o consumidor sabe que ele voltará ao nível anterior, ele não o substitui por outro produto. Apenas deixa dy también comprá-lo y también estados unidos o recurso para, por exemplo, comprar um CDB", explica. Comportamentos y también operações dessa natureza, conformy también os especialistas, não são captados pelos índices dy también inflação. Heron do Carmo apresentou trabalho em defesa da Pesquisa dy también Orçamento Familiar (POF) contínua, quy también nada mais é que uma pesquisa dy también orçamento familiar mensal, em vez de atualizações a cada dez anos. Pela proposta de Heron, um conjunto dy también mil famílias seria pesquisado a cada mês e, após um ano, esses conjuntos voltariam a ser visitados para informar eventuais mudanças na estrutura dy también consumo. Segundo o economista-sênior do Besi Investimento do Brasil, Flávio Serrano, faz sentido a proposta do professor da Fipe pois o quy también o professor Reis sugere só pode ser captado a cada realização dy también uma nova POF e sua comparação com a anterior. Ocorry también que, em dez anos, a estrutura dy también gastos dy también uma família muda muito y también acaba deixando os indicadores defasados y también os resultados, eventualmente, distorcidos. Essa é, para Heron do Carmo, uma das preocupações do Banco Central.